Polícia

SSP registra 19 assassinatos na RMS em 72 horas

A Secretaria de Segurança Pública da Bahia registrou, em 72 horas, 19 assassinatos na Região Metropolitana de Salvador. Uma média de seis homicídios por dia. Entre eles estão 18 pessoas do sexo masculino e uma do sexo feminino. A idosa Nilzete Lima dos Santos, de 62 anos, morreu na noite deste domingo no HGE em decorrências de estupro e espancamentos sofridos na madrugada de sábado passado (22), em Salvador. [ Leia mais…]

[Imagem not found]
Foto : SSP-BA

Por André Teixeira no dia 31 de Outubro de 2016 ⋅ 15:19

A Secretaria de Segurança Pública da Bahia registrou, em 72 horas, 19 assassinatos na Região Metropolitana de Salvador. Uma média de seis homicídios por dia. Entre eles estão 18 pessoas do sexo masculino e uma do sexo feminino. A idosa Nilzete Lima dos Santos, de 62 anos, morreu na noite deste domingo no HGE em decorrências de estupro e espacamentos sofridos na madrugada de sábado passado (22), no bairro de Fazenda Grande II em Salvador.

Segundo informações da Central de Polícia (Centel), a vítima que tem deficiência física, foi abordada na quadra C, do bairro e sofreu agressões em diversas partes do corpo e da face. A idosa foi atendida no local por uma equipe do Samu e em seguida encaminhada para o Hospital Geral do Estado (HGE). O caso foi registrado na 13ª Delegacia Territorial (DT) do bairro de Cajazeiras. 

A pesquisa do Anuário Brasileiro de Segurança Pública, do Fórum Brasileiro de Segurança Pública, divulgados nesta sexta-feira (28) mostrou que apesar do quadro alarmante no país, a Bahia teve uma leve diminuição nos números de assassinatos. O que não representa muito, considerando o alto número de homicídios no estado, sobretudo na RMS. Segundo o Anuário Brasileiro de Segurança Pública, do Fórum Brasileiro de Segurança Pública entre os estados, o mais violento é o de Sergipe, com 57,3 mortes violentas intencionais a cada grupo de 100 mil pessoas. 

A grande maioria dos oito estados, com programas de redução de homicídios, teve diminuição: Alagoas (-20,8%), Bahia (-0,9%), Ceará (-9,2%), Distrito Federal (-13%), Espírito Santo (-10,7%), Pernambuco (+12,4%), Rio de Janeiro (-12,9%), e São Paulo (-11,4%). Nota-se que entre estes a Bahia é o que teve a menor queda. -0,9%. Em 2014, em números absolutos, o estado que registrou o maior número de assassinatos foi a Bahia, com 5.450 (36 por 100 mil habitantes).

 

 

 

Notícias relacionadas

[Ação da PM em Lauro de Freitas deixa dois mortos]
Polícia

Ação da PM em Lauro de Freitas deixa dois mortos

Por Matheus Simoni no dia 16 de Setembro de 2018 ⋅ 17:30 em Polícia

Eles foram flagrados com pistola, revólver e munições, além de ter envolvimento com o tráfico de drogas, segundo a polícia