Política

Rui alfineta oposição e diz que segurança não deve ser comprometida por voto

O governador Rui Costa (PT), durante coletiva realizada na manhã desta quinta-feira (28), falou sobre o cancelamento do carnaval no bairro de São Caetano, em Salvador, devido ao número de policiais. [Leia mais...]

[Rui alfineta oposição e diz que segurança não deve ser comprometida por voto]
Foto : Tácio Moreira/Metropress

Por Gabriel Nascimento e Matheus Morais no dia 28 de Janeiro de 2016 ⋅ 12:45

O governador Rui Costa (PT), durante coletiva realizada na manhã desta quinta-feira (28), falou sobre o cancelamento do carnaval no bairro de São Caetano, em Salvador, devido ao número de policiais. O anúncio foi feito pelo prefeito ACM Neto que afirmou, também nesta manhã, que "as limitações impostas pelo governo" impediram a realização da festa no bairro.

De acordo com Rui, a segurança está em primeiro lugar. "O que é prioridade pra mim é salvar vidas. Temos uma limitação de contigente que tenho que distribuir pra 44 cidades que vão ter carnavais. Além dessas, tenho que garantir nas outras que é um total de 417 cidades. A festa vai acontecer como sempre aconteceu", afirmou.

Em ano de eleição, Rui cutucou a oposição e disse que não se pode arriscar vidas para conseguir votos. "Sei que a pressão em ano eleitoral é muito forte pra atender pedidos de candidatos que em ano eleitoral querem ser eleitos em sua comunidade e isso não pode comprometer a segurança a vida das pessoas. A pressão eleitoral não pode significar a possibilidade de uma morte em uma comunidade dessa. É melhor não ter uma festa e preservar a imagem positiva do nosso carnaval". O governador finalizou afirmando que houve falta de diálogo por parte da prefeitura.

 

Comentarios

Notícias relacionadas