Política

Vânia Galvão ataca Tinoco sobre casa noturna no Rio Vermelho

A casa noturna Café Hot, no Rio Vermelho, voltou a ser tema de debate na Câmara de Vereadores. A líder do PT e presidente da Comissão de Reparação da Casa, Vânia Galvão, também entrou no debate sobre o fechamento do estabelecimento [Leia mais...]

[Vânia Galvão ataca Tinoco sobre casa noturna no Rio Vermelho]
Foto : Vagner Souza/Bocão News

Por Alaine Brasil no dia 20 de Fevereiro de 2016 ⋅ 15:52

A casa noturna Café Hot, no Rio Vermelho, voltou a ser tema de debate na Câmara de Vereadores. A líder do PT e presidente da Comissão de Reparação da Casa, Vânia Galvão, também entrou no debate sobre o fechamento do estabelecimento. De acordo com a parlamentar, "turismo sexual não se combate com falso moralismo nem com intolerância, mas com políticas públicas afirmativas". A vereadora considera um “ato arbitrário” a denúncia do vereador Cláudio Tinoco (DEM) e a ação da Secretaria Municipal de Urbanismo (Sucom) em fechar a casa. "De fato, não queremos estimular o turismo sexual. Contra isso, nós do movimento feminista lutamos há muito tempo, mas não podemos ser intolerantes".

Para a líder do PT, a forma de combater essa prática turística é através da promoção de capacitação profissional e intermediação da mão de obra. "O que o município e o vereador vão oferecer para as pessoas que perderam seus empregos? Como vão viver? Por que a prefeitura não promove capacitação profissional e aproveita essa mão de obra junto ao turismo étnico, religioso, cultural ou da terceira idade, que são potencialidades de Salvador?", questiona. "Porque o social não é uma prioridade desta gestão", dispara.

Notícias relacionadas

[Economista é indicado para assumir Enem]
Política

Economista é indicado para assumir Enem

Por Alexandre Galvão no dia 21 de Janeiro de 2019 ⋅ 15:55 em Política

Teixeira é professor da PUC-Rio nos cursos de graduação e pós-graduação em Administração

[Juiz manda PT baiano devolver mais de R$ 40 mil ]
Política

Juiz manda PT baiano devolver mais de R$ 40 mil 

Por Alexandre Galvão no dia 21 de Janeiro de 2019 ⋅ 09:56 em Política

Nas ações, são citados o presidente do partido na Bahia, Everaldo Anunciação e Ivan Alex Teixeira Lima, secretário de Finanças