Política

Conselho adia novamente votação de ação contra Eduardo Cunha

O presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), apresentou junto ao Supremo Tribunal Federal (STF), nesta terça-feira (23), uma nova ação para impedir que José Carlos Araújo (PSD-BA), presidente do Conselho de Ética, vote em decisão que pode dar continuidade ao processo de cassação de seu mandato. [Leia mais...]

[Conselho adia novamente votação de ação contra Eduardo Cunha]
Foto : Fabio Rodrigues Pozzebom/ Agência Brasil

Por Jessica Galvão no dia 23 de Fevereiro de 2016 ⋅ 18:12

O presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), apresentou junto ao Supremo Tribunal Federal (STF), nesta terça-feira (23), uma nova ação para impedir que José Carlos Araújo (PSD-BA), presidente do Conselho de Ética, vote em decisão que pode dar continuidade ao processo de cassação de seu mandato.

A defesa do peemedebista diz que José Carlos não tem imparcialidade e isenção para atuar no caso, já que teria antecipado seu voto numa entrevista para uma rádio da Bahia. Na ocasião, também foi cobrado uma decisão sobre os recursos de aliados de Cunha que alegam a suspeição do presidente do Conselho de Ética, José Carlos Araújo (PSD-BA). Eles dizem que Araújo já se manifestou a favor do processo e, por conta disso, não teria direito ao voto no conselho, no qual, o presidente só vota em caso de empate.

"Pelo que estou vendo, eles querem é acabar o conselho. Mas eu tenho mandato. Vai ser difícil de me tirar", afirmou Araújo. O Conselho vai se reunir novamente, na tarde da próxima quarta-feira (24).

Notícias relacionadas