Política

Prisão do ex-senador Luiz Estevão é pedida pelo MPF

A prisão imediata do empresário e ex-senador Luiz Estevão foi pedida na terça-feira (23) pelo Ministério Público Federal (MPF), condenado a 31 anos de prisão pelo desvio, na década de 1990, de R$ 169 milhões de recursos na execução da obra da sede do Tribunal Regional do Trabalho (TRT) em São Paulo. [Leia mais...]

[Prisão do ex-senador Luiz Estevão é pedida pelo MPF]
Foto : Agência Senado

Por Matheus Morais no dia 24 de Fevereiro de 2016 ⋅ 07:37

A prisão imediata do empresário e ex-senador Luiz Estevão foi pedida na terça-feira (23) pelo Ministério Público Federal (MPF), condenado a 31 anos de prisão pelo desvio, na década de 1990, de R$ 169 milhões de recursos na execução da obra da sede do Tribunal Regional do Trabalho (TRT) em São Paulo. O ex-senador já apresentou 34 recursos contra a condenação, desde 2006, quando foi proferida a sentença.Todos foram rejeitados pela Justiça, segundo o órgão acusatório.

A medida foi tomada pelo MPF após a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), que permitiu a execução da pena de condenados pela segunda instância da Justiça antes do trânsito em julgado do processo (final do processo). Edson Fachin, ministro do STF, enviou o pedido, porém, encaminhou o caso para a primeira instância da Justiça Federal em São Paulo, onde a sentença condenatória foi proferida.

Estevão foi preso para cumprir pena de três anos e seis meses pelo crime de falsificação de documento, em março do ano passado. Ele chegou a cumprir pena em regime semiaberto e está em prisão domiciliar.

Notícias relacionadas

[Governo prepara MP para recadastrar armas irregulares]
Política

Governo prepara MP para recadastrar armas irregulares

Por Juliana Rodrigues no dia 16 de Janeiro de 2019 ⋅ 08:00 em Política

Ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, negou que a medida seja uma forma de anistia: "No governo do PT ninguém nunca chamou de anistia, por que vai chamar no governo do...

[Decreto da arma ignorou sete sugestões de Moro, diz coluna]
Política

Decreto da arma ignorou sete sugestões de Moro, diz coluna

Por Clara Rellstab no dia 16 de Janeiro de 2019 ⋅ 06:49 em Política

A sugestão de Moro era mais restritiva: previa a posse para duas armas, e não quatro; não prolongava automaticamente registros já concedidos para dez anos e exigia a comp...

[Senador Fernando Collor anuncia filiação ao PROS]
Política

Senador Fernando Collor anuncia filiação ao PROS

Por Clara Rellstab no dia 16 de Janeiro de 2019 ⋅ 06:28 em Política

Eleito em 1989 presidente da República, o primeiro eleito pelo voto popular após a ditadura militar, Collor comandou o país entre 1990 e 1992, quando sofreu impeachment