Política

Zé Neto sobre a crise: "Chegou no Brasil o que já chegou na Europa"

O deputado estadual Zé Neto (PT) e líder da oposição na Assembleia Legislativa da Bahia, comentou em entrevista à Rádio Metrópole, na manhã desta terça-feira (1º), a crise política e econômica no país. [Leia mais...]

[Zé Neto sobre a crise:
Foto : Tácio Moreira/Metropress

Por Milene Rios e Matheus Morais no dia 02 de Março de 2016 ⋅ 08:33

O deputado estadual Zé Neto (PT), líder do governo na Assembleia Legislativa da Bahia, comentou em entrevista à Rádio Metrópole, na manhã desta terça-feira (1º), a crise política e econômica no país. Para o deputado, a crise não é apenas brasileira, mas mundial. Na ocasião, Neto ainda entrou em defesa do governo baiano. 

"Chegou no Brasil o que já chegou na Europa e mudou muita coisa. Isso mostra a necessidade de um redimensionamento da economia do mundo. No Brasil, nós vivemos um problema político grave: as pessoas não sabem dividir o que é oposição e o que é governo no país. No estado, tem que ter um redimensionamento. Quando Wagner assumiu, não tinha o Baprev, o Funprev estava desorganizado. A inflação é acumulada em nove anos, e o estado vai ter que tirar R$ 3 bilhões para manter o fundo previdenciário do estado. Hoje o Planserv é o plano de saúde mais barato, maior e que mais atende na Bahia", defendeu o deputado. 

Notícias relacionadas