Política

PF suspeita de que Lula ainda recebe vantagens de empreiteiras

Durante entrevista coletiva realizada em Curitiba, após a deflagração da 24ª fase da Operação Lava Jato, que mira o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, a família e assessores dele, o delegado da Polícia Federal Igor Romário de Paula falou que o que chama atenção da polícia é o fato de Lula continuar recebendo vantagens mesmo depois de deixar o governo federal. [Leia mais...]

[PF suspeita de que Lula ainda recebe vantagens de empreiteiras]
Foto : Roberto Stuckert/Instituto Lula

Por Felipe Paranhos e Milene Rios no dia 04 de Março de 2016 ⋅ 10:46

Durante entrevista coletiva realizada em Curitiba, após a deflagração da 24ª fase da Operação Lava Jato, que mira o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, a família e assessores dele, o delegado da Polícia Federal Igor Romário de Paula falou que o que chama atenção da polícia é o fato de Lula continuar recebendo vantagens mesmo depois de deixar o governo federal.

Segundo as investigações da PF, a construtora OAS custeou R$ 777 mil da reforma de um apartamento tríplex no litoral de São Paulo, num momento em que Lula e sua família tinham a opção de compra do imóvel.

“O inacreditável é que haja o pagamento de cerca de R$ 40 mil por uma opção de um apartamento, no qual sejam gastos R$ 700 mil em obras e que isso simplesmente não seja considerado como uma vantagem. Temos que investigar isso. A vantagem não precisa ser dinheiro, não precisa estar diretamente ligada ao ato. Nós podemos verificar que, mesmo após o exercício da presidência, podem estar sendo pagos ainda vantagens ao ex-presidente”, afirmou o delegado. 

Notícias relacionadas

[Economista é indicado para assumir Enem]
Política

Economista é indicado para assumir Enem

Por Alexandre Galvão no dia 21 de Janeiro de 2019 ⋅ 15:55 em Política

Teixeira é professor da PUC-Rio nos cursos de graduação e pós-graduação em Administração

[Juiz manda PT baiano devolver mais de R$ 40 mil ]
Política

Juiz manda PT baiano devolver mais de R$ 40 mil 

Por Alexandre Galvão no dia 21 de Janeiro de 2019 ⋅ 09:56 em Política

Nas ações, são citados o presidente do partido na Bahia, Everaldo Anunciação e Ivan Alex Teixeira Lima, secretário de Finanças