Política

Associar Lula a corrupção é "anseio pessoal" de autoridades, diz defesa

Em nota divulgada neste domingo (6), a defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse que a tentativa de associá-lo a esquema de corrupção "apenas atende anseio pessoal das autoridades envolvidas na operação" e configura "infração de dever funcional". [Leia mais...]

[Associar Lula a corrupção é
Foto : AFP PHOTO / Douglas MAGNO

Por Jessica Galvão no dia 06 de Março de 2016 ⋅ 12:01

Em nota divulgada neste domingo (6), a defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse que a tentativa de associá-lo a esquema de corrupção "apenas atende anseio pessoal das autoridades envolvidas na operação" e configura "infração de dever funcional".

Os advogados Roberto Teixeira e Cristiano Zanin Martins dizem que foi ilegal a condução coercitiva do petista e mencionam "outras arbitrariedades que poderão já ter sido praticadas" na Operação Lava Jato.

O texto foi divulgado para rebater a nota da força-tarefa do Ministério Público Federal (MPF) no Paraná responsável pelas investigações da 24ª fase da Operação Lava Jato, publicada no último sábado (5), que reafirmou a necessidade da condução para depoimento do ex-presidente.

Notícias relacionadas