Política

Vereador critica novo regulamento para taxistas: “Faz de conta”

O vereador Everaldo Augusto (PCdoB) criticou o decreto assinado pelo prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), na segunda-feira (14), com o novo regulamento para taxistas de Salvador. [Leia mais...]

[Vereador critica novo regulamento para taxistas: “Faz de conta”]
Foto : Divulgação/ Câmara de Vereadores de Salvador

Por Matheus Morais no dia 15 de Março de 2016 ⋅ 07:59

O vereador Everaldo Augusto (PCdoB) criticou o decreto assinado pelo prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), na segunda-feira (14), com o novo regulamento para taxistas de Salvador. Para Everaldo, as mudanças no serviço são um “faz de conta” por tratar de questões secundárias e não incorporar as reivindicações do setor majoritário da categoria, os auxiliares. 

O parlamentar, que é autor do Projeto de Lei nº 146/2015, que tramita na Câmara Municipal e cobra a regulamentação da profissão, esteve na coletiva de imprensa e negou qualquer tentativa de tumulto, como acusou o secretário de Mobilidade, Fábio Mota.

“Este comportamento hostil e agressivo demonstra total incompetência do Secretário em resolver os problemas da cidade. Ele foi convidado e não compareceu às três Audiências Públicas que realizamos para tratar de estacionamentos privados; regulamentação dos mototaxistas e dos taxistas auxiliares e se sente incomodado quando é questionado. Há muito tempo cobramos abertura de edital para concessão de novos alvarás; extinção das locadoras; reconhecimento profissional; fiscalização do transporte clandestino e carros com acessibilidade. Isso tudo depende de uma ação eficaz e democrática por parte da prefeitura, e os taxistas auxiliares querem participar desta discussão.”, destacou.

“Também buscamos uma administração transparente quando cobramos do secretário que informe de fato quantos alvarás estão circulando na cidade e nas mãos de quem estão, porque não dá pra fechar os olhos e não fazer de conta que o problema não existe.”, completou. 

Notícias relacionadas