Política

Wellington em ministério foi "tentativa não concretizada", diz Florence

Em entrevista à Rádio Metrópole, na manhã desta terça-feira (15), Florence negou que a situação tenha sido um "mico". "O convite ao procurador Wellington foi um reconhecimento da sua trajetória de um procurador independente, competente e que poderia servir às instituições brasileiras, infelizmente não foi permitido", afirmou. [Leia mais...]

[Wellington em ministério foi
Foto : Divulgação

Por Gabriel Nascimento no dia 15 de Março de 2016 ⋅ 10:32

"Foi uma tentativa acertada que infelizmente não se concretizou", disse o líder do PT na Câmara dos Deputados, Afonso Florence, ao ser questionado sobre a suspensão da nomeação de Wellington César Lima e Silva para o cargo de ministro da Justiça.

Em entrevista à Rádio Metrópole, na manhã desta terça-feira (15), Florence negou que a situação tenha sido um "mico". "O convite ao procurador Wellington foi um reconhecimento da sua trajetória de um procurador independente, competente e que poderia servir às instituições brasileiras, infelizmente não foi permitido", afirmou.

"Esperamos que não haja um impedimento de que procurador, delegados de polícia possam exercer funções da democracia quando seja do lado do PT ou seja do PSDB", ressaltou. A Corte decidiu, por 10 votos a 1, que o ministro deve deixar o cargo em até 20 dias após a publicação da ata.

Notícias relacionadas