Política

"O mínimo que pedimos é a renúncia", critica Líder do Dem no Senado

O líder do Democratas no Senado Federal, Ronaldo Caiado (GO), utilizou o plenário da Casa para pedir a renúncia da presidente Dilma Rousseff após revelação de áudio em que ela oferece um suposto "termo de posse" a Lula. "O mínimo que a presidente Dilma tem que fazer agora é renunciar à Presidência da República. É de uma gravidade ímpar, a quebra total da liturgia da função da Presidência. Uma quebra de decoro e da condição de presidir o país quando utiliza termo de posse para tentar dificultar o acesso da Justiça ao ex-presidente Lula." [Leia mais...]

[
Foto : Reprodução/Agência Senado

Por Matheus Simoni no dia 16 de Março de 2016 ⋅ 20:39

O líder do Democratas no Senado Federal, Ronaldo Caiado (GO), utilizou o plenário da Casa para pedir a renúncia da presidente Dilma Rousseff após revelação de áudio em que ela oferece um suposto "termo de posse" a Lula.

"O mínimo que a presidente Dilma tem que fazer agora é renunciar à Presidência da República. É de uma gravidade ímpar, a quebra total da liturgia da função da Presidência. Uma quebra de decoro e da condição de presidir o país quando utiliza termo de posse para tentar dificultar o acesso da Justiça ao ex-presidente Lula. Isto feito por um mandatário do país é inédito e exige que esta Casa peça à presidente que renuncie ao mandato pela dignidade do país, pela democracia e pelas regras de respeito aos poderes constituídos", afirmou em senador.

Ainda segundo Caiado, este comportamento não pode atrapalhar as investigações da Lava Jato. "Não se pode mais expor o Brasil. Não há mais nenhuma condição de governar o país", acrescentou.

Notícias relacionadas

[Juiz manda PT baiano devolver mais de R$ 40 mil ]
Política

Juiz manda PT baiano devolver mais de R$ 40 mil 

Por Alexandre Galvão no dia 21 de Janeiro de 2019 ⋅ 09:56 em Política

Nas ações, são citados o presidente do partido na Bahia, Everaldo Anunciação e Ivan Alex Teixeira Lima, secretário de Finanças

[Manoel Vitório nega conversas sobre privatização da Embasa]
Política

Manoel Vitório nega conversas sobre privatização da Embasa

Por Clara Rellstab no dia 21 de Janeiro de 2019 ⋅ 09:23 em Política

“Não tem nenhum estudo elaborado sobre isso. Eu acho que o Estado não pode abrir mão de analisar nenhum tipo de ativo dele, mas tem que ser alguma coisa bem feita”, ponde...