Política

Para Rui, Dilma cometeu erros: "Governo perdeu capacidade de gestão"

Em meio à crise que complica cada vez mais vida dos brasileiros, o governador Rui Costa (PT), comentou, durante entrevista à Rádio Metrópole, na manhã desta segunda-feira (21), as ações do governo e admitiu a lentidão em alguns processos. [Leia mais...]

[Para Rui, Dilma cometeu erros:
Foto : Reprodução/Jornal Grande Bahia

Por Gabriel Nascimento e Matheus Morais no dia 21 de Março de 2016 ⋅ 09:42

Em meio à crise que complica cada vez mais vida dos brasileiros, o governador Rui Costa (PT), comentou, durante entrevista à Rádio Metrópole, na manhã desta segunda-feira (21), as ações do governo e admitiu a lentidão em alguns processos. "Se alguém me perguntar, eu digo que, do ponto de vista econômico, o governo é muito lento. Há uma necessidade do enxugamento da máquina pública federal. A Codevasf [Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba], a Infraero [Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária] não têm mais sentido. Acho que não faz sentido essas ações. Não pode ser o 'liberou geral' ou o 'trancou tudo'", disse.

De acordo com Rui, no decorrer do mandato, Dilma cometeu erros."Um grande erro dela foi ter acreditado que o mercado iria usar a renúncia fiscal que ela fez. Ela abriu mão de meio trilhão, isso não foi usado em redução de preço. Prejudicou o município e os estados. Houve uma renúncia fiscal de meio trilhão e não houve contrapartida esperada. Ela perdeu muito. A crise de 2009 que pegou a Europa, atingiu boa parte do planeta, o Brasil conseguiu adiar. O governo perdeu capacidade de gestão. A economia precisa mudar, precismos ser cirúrgicos e tomar medidas que geram emprego e renda", finalizou.

 

Notícias relacionadas

[ Pacote de Moro propõe ampliar confisco de bens]
Política

Pacote de Moro propõe ampliar confisco de bens

Por Clara Rellstab no dia 23 de Janeiro de 2019 ⋅ 11:40 em Política

Promessa de campanha do presidente Jair Bolsonaro (PSL), as mudanças na legislação visam a fortalecer o combate à corrupção e ao crime organizado