Política

Presidente de Cuba pede fim do embargo em reunião histórica com Obama

Em encontro histórico dos presidentes dos dois países, o cubano Raúl Castro voltou a pedir nesta segunda-feira (21) o levantamento do embargo econômico imposto à Cuba durante reunião com o presidente americano Barack Obama no Palácio da Revolução, em Havana.[Leia mais...]

[Presidente de Cuba pede fim do embargo em reunião histórica com Obama]
Foto : Cuba Debate

Por Matheus Simoni no dia 21 de Março de 2016 ⋅ 17:31

Em encontro histórico dos presidentes dos dois países, o cubano Raúl Castro voltou a pedir nesta segunda-feira (21) o levantamento do embargo econômico imposto à Cuba durante reunião com o presidente americano Barack Obama no Palácio da Revolução, em Havana. Dois chefes de estado dos dois países não se encontravam há 88 anos.

Obama, que defende o fim das restrições, disse que isso depende em parte de conversas sobre os direitos humanos dentro da ilha. Em coletiva de imprensa conjunta, Castro saudou as iniciativas tomadas até agora para a normalização das relações entre os dois países. Porém, ambos destacam que elas não são consideradas "suficientes".

Segundo o presidente cubano, o embargo econômico vigente desde 1962 e a presença americana na Baía de Guantánamo são os dois principais "obstáculos" para a normalização das relações entre EUA e Cuba. "Reconhecemos a posição do Obama e de seu governo ante o bloqueio e seus reiterados pedidos ao Congresso para que o elimine. As últimas medidas (de alívio ao embargo, decididas por Obama) são positivas, mas não suficientes", disse.

Notícias relacionadas