Política

"Calendário do impeachment segue dentro da normalidade", diz Imbassahy

O líder do PSDB na Câmara, deputado federal Antonio Imbassahy, destacou, através de nota enviada nesta quarta-feira (23), o cumprimento do calendário do processo de impeachment de Dilma na Câmara. "Estamos cumprindo com nossas obrigações. O rito está correndo dentro da normalidade, em respeito às decisões do STF e conforme a Constituição e o regimento da Casa", disse. [Leia mais...]

[
Foto : Tácio Moreira/ Metropress (Arquivo)

Por Jessica Galvão no dia 23 de Março de 2016 ⋅ 14:13

O líder do PSDB na Câmara, deputado federal Antonio Imbassahy, destacou, através de nota enviada nesta quarta-feira (23), o cumprimento do calendário do processo de impeachment de Dilma na Câmara. "Estamos cumprindo com nossas obrigações. O rito está correndo dentro da normalidade, em respeito às decisões do STF e conforme a Constituição e o regimento da Casa", disse.

A Câmara realizou, também nesta quarta-feira (23), a 4ª sessão dentro do prazo para Dilma apresentar sua defesa, que vai até 4 de abril. A partir do dia 5, começa o prazo de cinco sessões para apresentação do parecer e votação na comissão especial que analisa o impeachment. Depois o processo segue para apreciação em Plenário. "A partir de 14 de abril teremos condições plenas de votar o impeachment", falou o deputado.

No seu discurso, Imbassahy comentou o evento realizado na última terça-feira (22), no Palácio do Planalto com Dilma e juristas. Na ocasião, a petista disse que não vai renunciar e voltou a falar em golpe. "Assistimos a uma presidente absolutamente desequilibrada, esbravejando e até gritando no Palácio do Planalto. Entendemos as dificuldades que ela está vivendo, dificuldades por ela mesma colocadas, e elas aumentam na medida em que se aproxima o dia da votação do impeachment", disse Imbassahy.

Notícias relacionadas