Política

Senador Aécio Neves comenta a suspensão dos contratos do Fies em 2015

Em entrevista à Rádio Metrópole, na manhã desta quinta-feira (21), o senador e presidente nacional do PSDB, Aécio Neves , falou sobre os impasses que têm impactado no FIES, o Financiamento Estudantil, que veio a ter contratos suspensos por falta de recursos do governo federal.

[Imagem not found]
Foto : Agência Brasil

Por Milene Rios no dia 21 de Maio de 2015 ⋅ 11:18

Em entrevista à Rádio Metrópole, na manhã desta quinta-feira (21), o senador e presidente nacional do PSDB, Aécio Neves , falou sobre os impasses que têm impactado no FIES, o Financiamento Estudantil, que veio a ter contratos suspensos por falta de recursos do governo federal.

"O mesmo aconteceu com o Pronatec. O governo perdeu o controle. Na verdade o governo estava muito preocupado com estatísticas. Se preocupava em zelar pelo dinheiro público sem saber se as pessoas estavam estudante, comparecendo, se especializando. Então o que acontecia? As pessoas iam a duas, três aulas e não iam nas outras, e o governo federal pagando aquela instituição", disse Aécio. 

O senador lembrou de quando na época da campanha para presidencial, Dilma Roussef o acusava ele de querer acabar com o Fies e na verdade isso veio a acontecer no próprio governo Dilma. "Eu não posso achar que é só incompetência. O governo sabia disso, que estava em crise. Eles acusavam a oposição que se ganhássemos íamos tomar medidas contra o Fies. O governo paga o preço hoje. É a crise, mas a crise da confiança. As pessoa não confiam mais", desabafou o senador.

Notícias relacionadas