Política

Bruno Reis nega intenção de assumir prefeitura em 2018: "Discutimos 2016"

A caminho da convenção que oficializa o seu nome para vice do prefeito ACM Neto (DEM), na manhã desta sexta-feira (5), o ex-secretário municipal do Combate à Pobreza e deputado estadual Bruno Reis (PMDB), comentou a possibilidade do democrata, se reeleito, deixar a prefeitura para disputar o governo do estado em 2018. [Leia mais...]

[Imagem not found]
Foto : Tácio Moreira/Metropress

Por Gabriel Nascimento no dia 05 de Agosto de 2016 ⋅ 10:19

A caminho da convenção que oficializa o seu nome para vice do prefeito ACM Neto (DEM), na manhã desta sexta-feira (5), o ex-secretário municipal do Combate à Pobreza e deputado estadual Bruno Reis (PMDB), comentou a possibilidade do democrata, se reeleito, deixar a prefeitura para disputar o governo do estado em 2018.

Com o discurso semelhante ao de Neto, Reis negou a intenção. "Estou sendo escolhido para ser vice-prefeito. Não discutimos 2018, estamos discutindo 2016. Temos uma eleição pela frente, vamos apresentar para Salvador, o que realizamos ao longo desses 4 anos e o que queremos realizar", disse em entrevista a José Eduardo, na Rádio Metrópole.

Exaltando a gestão municipal, o candidato a vice-prefeito afirmou que, com o apoio do governo do presidente em exercício Michel Temer (PMDB), investimentos na capital baiana serão mais intensos. "Sem o apoio do governo federal e do governo do estado enfrentamos a maior crise de todos os tempos, quedas constantes de arrecadação e conseguimos realizar esse trabalho magnífico. Imagine o que podemos fazer com o apoio do governo federal, com o auxílio de Geddel", afirmou. "Vai ser muito melhor. Não passa pela nossa cabeça 2018. Tudo o que há são especulações", acrescentou.

 

Notícias relacionadas

[Moro deseja regulamentar lobby político]
Política

Moro deseja regulamentar lobby político

Por Marina Hortélio no dia 13 de Dezembro de 2018 ⋅ 18:40 em Política

Ele afirmou que melhor regulamentar o lobby do que permitir que ocorra 'as escuras'