Política

Impeachment: Lewandowski sinaliza interrupção da sessão na madrugada

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Ricardo Lewandowski, vai analisar ainda nesta terça-feira (9) uma proposta lançada por um grupo de senadores para suspender a sessão da pronúncia do impeachment às 23h e retomar na manhã desta quarta-feira (10).[Leia mais...]

[Imagem not found]
Foto : Lula Marques/Agência PT

Por Matheus Simoni no dia 09 de Agosto de 2016 ⋅ 14:47

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Ricardo Lewandowski, vai analisar ainda nesta terça-feira (9) uma proposta lançada por um grupo de senadores para suspender a sessão da pronúncia do impeachment às 23h e retomar na manhã desta quarta-feira (10). A sessão analisa o pedido de impeachment da presidente afastada Dilma Rousseff e chegou a ser interrompida durante a tarde.

Lewandowski não se opôs à ideia da suspensão, mas pediu que os senadores cheguem a um entendimento único. Entre os apoiadores desta proposta estão integrantes do PSDB, como o senador Aécio Neves, e do PT, como o senador Lindbergh Faria. Mas há resistência por parte do presidente do Senado, Renan Calheiros. Segundo avaliação do Planalto, a "pausa" levaria a um atraso no cronograma final do impeachment em pelo menos um dia.

 

Notícias relacionadas