Política

Patrimônio de ACM Neto dobra em quatro anos; confira valores

Em busca pela reeleição em Salvador, o prefeito ACM Neto (DEM) chamou a atenção com a declaração do seu patrimônio à Justiça Eleitoral. Isso porque, de acordo com o Bocão News, de 2012 para cá, os bens do democrata aumentaram, e muito. Deixaram o patamar dos R$ 13,3 milhões para a marca de R$ 27,8 milhões. [Leia mais...]

[Imagem not found]
Foto : Tácio Moreira/Metropress

Por Gabriel Nascimento no dia 16 de Agosto de 2016 ⋅ 12:08

Em busca pela reeleição em Salvador, o prefeito ACM Neto (DEM) chamou a atenção com a declaração do seu patrimônio à Justiça Eleitoral. Isso porque, de 2012 para cá, os bens do democrata aumentaram, e muito. Deixaram o patamar dos R$ 13,3 milhões para a marca de R$ 27,8 milhões. O prazo para os candidatos protocolarem o pedido de registro das candidaturas terminou na última segunda-feira (15).

"Meu patrimonio está todo prestado contas ao imposto de renda, ele é fruto da participaçao societária que tenho nas empresas da minha família, dos dividendos que disso resulta todo ano. Todo ano eu recebo dividendo como sócio dessas empresas, assim como resultado de aplicações financeiras que eu tenho historicamente", disse ao Bocão News.

De acordo com Neto, o gordo patrimônio é "fruto de muito trabalho". "Todos conhecem minha vida, minha trajetória, tudo isso é fruto do trabalho da minha família, sobretudo do meu pai, minha irmã, dos meus primos, nós temos um grupo de comunicação do qual eu sou sócio e por ele recebo resultados da sua atividade", acrescentou.

Patrimônio em 2012

Também candidata a prefeito de Salvador, Alice Portugal (PCdoB), da base do governador Rui Costa (PT), declarou R$ R$1.103.374,21, ante um patrimônio de R$ 1.148.071,03 em 2014, quando disputou a Câmara dos Deputados. 

O ex-secretário de Educação de Salvador e ex-chefe da Sucom, Claudio Silva, declarou, enquanto candidato do PP ao Executivo municipal, o segundo maior patrimônio divulgado até a manhã desta terça-feira (16) pelo Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA), R$ 3.862.593,36 em bens, dentre eles um imóvel, automóveis e um terreno.

Rogério Tadeu Da Luz (PRTB) declarou R$ 4.500,00; a ex-aliada do prefeito ACM Neto, Célia Sacramento (PPL), declarou 1,060, 166.17; já o Pastor Sargento Isidório (PDT) totalizou R$ 555, 500.00. A prestação de Fábio Nogueira (Psol)  ainda não foi lançada no sistema do TRE.

 

 

 

 

Notícias relacionadas

[Procuradoria eleitoral pede cassação de Doria]
Política

Procuradoria eleitoral pede cassação de Doria

Por Alexandre Galvão no dia 19 de Dezembro de 2018 ⋅ 07:40 em Política

Os procuradores calculam que a Prefeitura gastou R$ 52,5 milhões em propaganda no primeiro semestre desta ano, 79% a mais do que a média dos primeiros semestres de 2015