Política

"Se recursos forem negados, faremos VLT sem apoio federal", afirma secretário

A implantação do Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) em Salvador foi esclarecida pelo secretário-chefe da Casa Civil do governo estadual, Bruno Dauster, em entrevista à Rádio Metrópole, na manhã desta sexta-feira (19).[Leia mais...]

[Imagem not found]
Foto : Divulgação

Por Matheus Morais no dia 19 de Agosto de 2016 ⋅ 11:21

A implantação do Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) em Salvador foi esclarecida pelo secretário-chefe da Casa Civil do governo estadual, Bruno Dauster, em entrevista à Rádio Metrópole, na manhã desta sexta-feira (19).  Na oportunidade, Dauster ressaltou que está seguindo a orientação do governador do estado e trabalhando ativamente para implantar o modal.

"Com ou sem recursos federais. Estamos buscando investidores que identifiquem a viabilidade do projeto, através de uma concessão ou de uma PPP, porque no mundo inteiro é impossível fazer a implantação de transporte de massa sem aporte público. Mas, estamos com estudos avançados que indicam a real possibilidade de realizarmos esse projeto de qualquer forma. Isso não impede que a gente vá ao governo federal buscar os R$ 550 milhões que estavam destinados para o VLT. Se os recursos forem negados por razões políticas, iremos passar pela negativa, faremos o VLT sem apoio federal", disse. 

Notícias relacionadas

[‘O Estado brasileiro matou Marielle’, afirma viúva da vereadora]
Política

‘O Estado brasileiro matou Marielle’, afirma viúva da vereadora

Por Matheus Simoni e Alexandre Galvão no dia 18 de Dezembro de 2018 ⋅ 09:10 em Política

"A política não aceita uma mulher preta, favelada, lésbica. Esse contexto é dramático é pode colocar outras vidas em risco”, declarou ela, em entrevista a Mário Kertész