Política

"Grande artista e figura humana", diz Waldir Pires sobre Eliana Kertész

A exposição virtual "Vereadoras de Salvador 1936-2016", que traz o perfil de 28 mulheres que foram edis na capital, foi inaugurada pela Câmara Municipal de Salvador (CMS), nessa quinta-feira (25). Entre elas, está Eliana Kertész, eleita em 1982, e até hoje detentora da maior votação da história da Casa. [Leia mais...]

[Imagem not found]
Foto : Tácio Moreira / Metropress

Por Camila Tíssia e Matheus Morais no dia 26 de Agosto de 2016 ⋅ 08:12

A exposição virtual "Vereadoras de Salvador 1936-2016", que traz o perfil de 28 mulheres que foram edis na capital, foi inaugurada pela Câmara Municipal de Salvador (CMS), nessa quinta-feira (25). Entre elas, está Eliana Kertész, eleita em 1982, e até hoje detentora da maior votação da história da Casa. Em entrevista ao Metro1, o ex-governador da Bahia, Waldir Pires, fez elogios a esta homenagem e disse que considera Eliana "uma grande artista e grande figura humana".

"Tenho uma apreço muito grande por ela. Sei que ela marca o seu tempo. Nós todos temos que estimulá-la a estar cada vez presente em todas as realidades sociais, ou políticas, está sendo mais social para ela do que política mesmo. Ela teve um período muito rápido da vida política, mas foi brilhante".

A exposição ficará disponível em setembro no portal da Câmara, na TV Câmara e integrará o acervo do Memorial.

Notícias relacionadas

[Governo prepara MP para recadastrar armas irregulares]
Política

Governo prepara MP para recadastrar armas irregulares

Por Juliana Rodrigues no dia 16 de Janeiro de 2019 ⋅ 08:00 em Política

Ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, negou que a medida seja uma forma de anistia: "No governo do PT ninguém nunca chamou de anistia, por que vai chamar no governo do...

[Decreto da arma ignorou sete sugestões de Moro, diz coluna]
Política

Decreto da arma ignorou sete sugestões de Moro, diz coluna

Por Clara Rellstab no dia 16 de Janeiro de 2019 ⋅ 06:49 em Política

A sugestão de Moro era mais restritiva: previa a posse para duas armas, e não quatro; não prolongava automaticamente registros já concedidos para dez anos e exigia a comp...