Política

Filho de Bolsonaro passa mal em debate e deputado recusa ajuda de opositora

O debate entre candidatos a prefeito do Rio de Janeiro, promovido pela Band na última quinta-feira (25), foi marcado por um episódio envolvendo o deputado federal Jair Bolsonaro (PSC) [Leia mais...]

[Imagem not found]
Foto : Reprodução/Youtube

Por Bárbara Silveira no dia 26 de Agosto de 2016 ⋅ 09:42

O debate entre candidatos a prefeito do Rio de Janeiro, promovido pela Band na última quinta-feira (25), foi marcado por um episódio envolvendo o deputado federal Jair Bolsonaro (PSC), que acompanhava o evento. O filho dele, Flávio Bolsonaro (PSC) concorre à prefeitura da cidade carioca e, ao responder um questionamento enviado por um eleitor, acabou passando mal.

O debate foi interrompido e o candidato foi amparado pelos concorrentes. Médica, a também candidata Jandira Feghali (PCdoB) tentou prestar os primeiros socorros ao oponente – que ameaçava desmaiar –, mas disse ter sido impedida por Bolsonaro pai. "Sai daqui!", teria dito o deputado. Jandira rebateu: "Estúpido!". 

Na volta do intervalo comercial, Jandira Feghali comentou o episódio e reiterou que, como médica, tinha intenção de ajudar. "Não gostaria de terminar essa resposta sem denunciar o que aconteceu no intervalo. O deputado Flavio Bolsonaro passou mal e eu me ofereci como médica para ajudá-lo. Mas o pai dele, Jair Bolsonaro, disse que ele não precisava dos meus cuidados", disse. Instantes depois, através do Facebook, a Band informou que Bolsonaro não voltaria ao estúdio. 

Veja vídeo:

 

Notícias relacionadas