Política

Aécio Neves diz que "sem PSDB, não haverá governo Temer"

O presidente do PSDB, senador Aécio Neves (MG), cobrou que o presidente Michel Temer faça ações para que o PMDB para acabe com as ambiguidades e abandonar os "vícios" adquiridos na convivência com o PT. Em entrevista ao jornal O Globo, o tucano diz que os membros do seu partido apoiarão o governo enquanto ele for fiel à agenda do ajuste. [Leia mais...]

[Imagem not found]
Foto : Fabio Rodrigues Pozzebom/Abr

Por Matheus Simoni no dia 04 de Setembro de 2016 ⋅ 16:25

O presidente do PSDB, senador Aécio Neves (MG), cobrou que o presidente Michel Temer faça ações para que o PMDB para acabe com as ambiguidades e abandonar os "vícios" adquiridos na convivência com o PT. Em entrevista ao jornal O Globo, o tucano diz que os membros do seu partido apoiarão o governo enquanto ele for fiel à agenda do ajuste. Aécio decretou: “Sem apoio do PSDB, não existirá governo Temer".

"O PSDB tem ecoado com muito mais clareza as posições do presidente Temer do que o seu próprio partido. Sem o PMDB agindo de forma coesa, as dificuldades de Temer serão quase intransponíveis. Esse último episódio (fatiamento da pena de Dilma Rousseff) demonstrou, mais uma vez, a ambiguidade com que o PMDB atua", disse Aécio.

O tucano negou que a declaração fosse uma ameaça ao atual governo. "O PSDB estará em 2018 se apresentando para governar o país. Enquanto Temer se mantiver fiel a essa agenda que colocamos para o país, contará com o PSDB. Se percebermos que isto não está ocorrendo, o PSDB deixa de ter compromisso com este governo. Não é uma ameaça, apenas uma constatação natural", declarou o senador.

Notícias relacionadas

[Jean Wyllys diz acreditar em 'milagre' contra Bolsonaro ]
Política

Jean Wyllys diz acreditar em 'milagre' contra Bolsonaro 

Por Alexandre Galvão no dia 22 de Outubro de 2018 ⋅ 18:43 em Política

Ele justificou ainda o fato de ter perdido quase 120 mil votos na eleição deste ano. Apontou as fake news e a multiplicação de candidaturas da esquerda como motivo