Política

Léo Kret, Hollyfield...Subcelebridades não emplacam vaga na Câmara

Digamos que o ditado popular “quem acredita sempre alcança” não se aplica a todos. Um bom exemplo disso são as subcelebridades de Salvador que tentaram – algumas mais uma vez – a vaga na Câmara de Vereadores e não conseguiram [Leia mais...]

[Imagem not found]
Foto : Reprodução/Facebook

Por Bárbara Silveira no dia 03 de Outubro de 2016 ⋅ 13:44

Digamos que o ditado popular “quem acredita sempre alcança” não se aplica a todos. Um bom exemplo disso são as subcelebridades de Salvador que tentaram – algumas mais uma vez – a vaga na Câmara de Vereadores e não conseguiram. 
Liderando a lista está Léo Kret (DEM). Vereadora em 2008, a dançarina já tentou se reeleger em 2012 e agora, em 2016, quando teve 2.270 e ficou de fora da Casa. Através da sua página no Facebook Léo agradeceu o apoio dos eleitores. “Foi uma campanha dura, não precisei comprar votos nem botar rios de dinheiro como muitos”, alfinetou.

Outro que ficou só na esperança foi o ex-pugilista Hollyfield (DEM), que alcançou inexpressivos 1.917 votos. Falando em pouca expressividade, o nicho “artístico” das eleições também deixou a desejar. Acostumado a arrastar grande quantidade de fãs nos shows, o pagodeiro Robsão (PTN) teve apenas 396, nem de longe a lotação das casas de show que costuma ostentar. Outra que não teve sucesso foi a cantora de arrocha Nira Guerreira (PTN), com 170 votos. 

Antigo auxiliar de palco da apresentadora Eliana, Chiquinho (PRTB) tentou uma dobradinha com o candidato à prefeito Da Luz, mas ficou só no desejo de se tornar vereador. Com 383, Chiquinho vai precisar esperar a próxima eleição para tentar mais uma vez. 

Notícias relacionadas

[Procuradoria eleitoral pede cassação de Doria]
Política

Procuradoria eleitoral pede cassação de Doria

Por Alexandre Galvão no dia 19 de Dezembro de 2018 ⋅ 07:40 em Política

Os procuradores calculam que a Prefeitura gastou R$ 52,5 milhões em propaganda no primeiro semestre desta ano, 79% a mais do que a média dos primeiros semestres de 2015