Política

Régis comenta disputa entre Neto e Rui para 2018: "PT está desesperado"

As eleições municipais mal terminaram e as discussões políticas já giram em torno da disputa pelo governo do estado em 2018. Questionado sobre um possível pleito entre o governador Rui Costa (PT) e o prefeito eleito ACM Neto (DEM), durante entrevista a José Eduardo, na Rádio Metrópole, na manhã desta quinta-feira (6), o deputado estadual Sandro Régis (DEM), afirmou que "o povo de Salvador não quer mais o discurso de golpe". [Leia mais...]

[Imagem not found]
Foto : Tácio Moreira/Metropress

Por Gabriel Nascimento no dia 06 de Outubro de 2016 ⋅ 09:47

As eleições municipais mal terminaram e as discussões políticas já giram em torno da disputa pelo governo do estado em 2018. Questionado sobre um possível pleito entre o governador Rui Costa (PT) e o prefeito eleito de Salvador ACM Neto (DEM), durante entrevista a José Eduardo, na Rádio Metrópole, na manhã desta quinta-feira (6), o deputado estadual Sandro Régis (DEM), afirmou que "o povo de Salvador não quer mais o discurso de golpe".

"Quero fazer ponderações para acabar com essa mística de que Rui é bom governador. Na saúde, são cerca de 1300 pessoas por dia aguardando a regulação, conforme dados da Sesab. Maternidades, santas casas, estão fechando as portas por falta de investimentos. Nos hospitais do interior tem que levar o kit sobrevivência", afirmou.

Exaltando o bom rendimento de Neto nestas eleições, o deputado declarou: "O PT é considerado hoje um partido nanico. Virou pó. No Nordeste, que era tido como grande cabo eleitoral, por onde Dilma e Lula passaram, foram atrapalhando os candidatos. Quando perde o discurso começa a inventar factóides. Neto ganhou em todas as seções eleitorais na nossa capital. Foram 74% dos votos. Demonstração que Salvador aprovou um prefeito trabalhador. O discurso de que ACM Neto só trabalhou nos bairros privilegiados caiu por terra. Não perdemos em uma seção eleitoral".

Apesar das provocações, Régis diz que Neto "está focado" nos próximos quatro anos de gestão municipal. "Agora, tenho rodado toda a Bahia, fiz diversas pesquisas, é impressionante a aceitação do prefeito", disse. "O PT tá desesperado", acrescentou. "Reconheço a atuação de Rui em Salvador, o grande trabalho que ele fez foi fechar 80 escolas municipais. Esse é o grande legado de Rui Costa, ao contrário do prefeito que só fez aumentar", disparou. 

Notícias relacionadas

[Dodge pede mais 60 dias para investigação sobre Aécio]
Política

Dodge pede mais 60 dias para investigação sobre Aécio

Por Marina Hortélio no dia 16 de Novembro de 2018 ⋅ 16:00 em Política

Inquérito que investiga o senador por suposto recebimento de valores indevidos pela Construtora Norberto Odebrecht para a campanha eleitoral de 2014

[Moro pede exoneração do cargo de juiz ]
Política

Moro pede exoneração do cargo de juiz 

Por Alexandre Galvão no dia 16 de Novembro de 2018 ⋅ 13:33 em Política

No documento, o futuro ministro da Justiça alegou que é notório o convite e aceite para a assumir a pasta em 2019