Política

Meirelles diz que país está 'voltando ao normal' com desaceleração da inflação

O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, disse nesta sexta (7), que o país estava "voltando à normalidade" diante da desaceleração mais acentuada do que se esperava da inflação em setembro. Ele também elogiou a aprovação da PEC do teto dos gastos públicos na comissão especial da Câmara. [Leia mais...]

[Imagem not found]
Foto : Marcelo Camargo/Agência Brasil

Por Matheus Simoni no dia 07 de Outubro de 2016 ⋅ 16:27

O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, disse nesta sexta (7), que o país estava "voltando à normalidade" diante da desaceleração mais acentuada do que se esperava da inflação em setembro. Ele também elogiou a aprovação da PEC do teto dos gastos públicos na comissão especial da Câmara.

"A recessão ainda está em andamento, a capacidade ociosa das empresas é elevada, o desemprego é elevado e ainda crescendo. Espera-se, principalmente considerando-se que o Banco Central está adotando uma postura rigorosa no combate à inflação, que a inflação caia e a expectativa de inflação também", disse o ministro, durante um evento da Câmara de Comércio Brasil-EUA, em Washington.

"O que não era normal era vermos uma inflação elevada num país em recessão com o desemprego aumentando", disse. Para o ministro, a aprovação da PEC na comissão da Câmara é "uma sinalização muito boa", já que o projeto manteve seus elementos fundamentais e "a questão fiscal é central" nos esforços de retomada da economia do país. Sobre a reforma da Previdência, também considerada crucial pelo Planalto, Meirelles afirmou que a proposta ainda estava sendo finalizada. No entanto, o ministro declarou que "idealmente" a reforma poderá ser aprovada no primeiro semestre de 2017.

Notícias relacionadas