Política

Mulher e filhos de Eduardo Cunha não devem visitá-lo na cadeia

Segundo o jornal Folha de S. Paulo, o ex-presidente da Câmara dos Deputados Eduardo Cunha, não deve receber a visita da mulher, Cláudia Cruz, também envolvida na Operação Lava Jato.

[Imagem not found]
Foto : Divulgação

Por Matheus Morais no dia 21 de Outubro de 2016 ⋅ 07:28

Segundo o jornal Folha de S. Paulo, o ex-presidente da Câmara dos Deputados Eduardo Cunha, não deve receber a visita da mulher, Cláudia Cruz, também envolvida na Operação Lava Jato. Os filhos também não devem visitar o peemedebista. 

Ainda de acordo com a publicação, o advogado de Cunha, Marlus Arns, afirmou que o cliente avalia como desnecessária a presença de parentes na carceragem da superintendência da Polícia Federal do Paraná, em Curitiba. Edurado Cunha teme um debate. 

"Os ânimos estão muito exaltados na sociedade", diz Arns. O dvogado ressaltou que a defesa deve ingressar com pedido de habeas corpus para a soltura do ex-deputado.  "Ainda estamos analisando a decisão, que é de um processo que já estava em trâmite no STF. Já tinha a denúncia recebida, então, é preciso analisar com muita cautela inclusive a questão de competência. Essa é a principal linha da defesa", disse Arns. 

Na carceragem da PF, Cunha vem analisando as alegações do pedido de prisão feito pelo Ministério Público e sublinhado os trechos que considera mais frágeis. A rotina do ex-deputado tem se resumido, nessas primeiras horas de cárcere, a reuniões com advogados.

Notícias relacionadas

[Bolsonaro anuncia Mandetta para Ministério da Saúde]
Política

Bolsonaro anuncia Mandetta para Ministério da Saúde

Por Matheus Simoni no dia 20 de Novembro de 2018 ⋅ 14:40 em Política

Filiado ao DEM, Mandetta é investigado por suposta fraude em licitação, tráfico de influência e caixa dois na implementação de um sistema de informatização da saúde em Ca...