Política

Rio de Janeiro: Câmara rejeita proposta de salário vitalício para ex-vereadores

Por unanimidade, a Câmara Municipal do Rio de Janeiro rejeitou a proposta que daria um salário vitalício para ex-vereadores, na terça-feira (1º). [Leia mais...]

[Imagem not found]
Foto : Divulgação

Por Matheus Morais no dia 02 de Novembro de 2016 ⋅ 07:49

Por unanimidade, a Câmara Municipal do Rio de Janeiro rejeitou a proposta que daria um salário vitalício para ex-vereadores, na terça-feira (1º). Os 40 vereadores votaram contra o texto de autoria do vereador João Cabral (PMDB), que determinava o benefício para vereadores que já são funcionários públicos municipais e que tenham três mandatos seguidos ou quatro intercalados. Eles ganhariam salário equivalente ao de um secretário da prefeitura, ou seja, R$ 15 mil líquidos por mês. 

Cabral, em sua justificativa, afirmou que "é uma questão de justiça, de igualdade”. Antes da realização dos Jogos Olímpicos, em junho, o estado do Rio de Janeiro decretou estado de calamidade por conta de problemas financeiros com o objetivo de receber uma transferência extraordinária de R$ 2,9 bilhões do governo federal.

Notícias relacionadas