Política

João Leão volta a defender inocência: "Adoraria que a PF fosse lá em casa"

O vice-governador do Estado, João Leão (PP), desafiou a Polícia Federal (PF) para que vá em sua casa para comprovar que não tem envolvimento no esquema de corrupção da Petrobras. [Leia mais...]

[Imagem not found]
Foto : Manu Dias/GOVBA

Por Juliana Almirante no dia 20 de Julho de 2015 ⋅ 11:57

O vice-governador do Estado, João Leão (PP), desafiou a Polícia Federal (PF) para que vá em sua casa para comprovar que não tem envolvimento no esquema de corrupção da Petrobras. Leão é um dos investigados pelo Supremo Tribunal Federal, no âmbito da Operação Lava Jato, por suspeita de participação no esquema. "Adoraria que eles estivessem estado lá em casa para ver que não tenho nada a esconder", disse em entrevista ao site Bocão News.

A última fase da operação teve mandados cumpridos na Bahia, na casa e no gabinete do conselheiro do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM), Mário Negromonte, também acusado de envolvimento no esquema. No entanto, a PF não chegou a cumprir diligências na residência de Leão. O vice-governador acredita na inocência do membro do TCM. "Ainda estão investigando. Não tem porque ser afastado", defendeu. 

Notícias relacionadas