Política

Severino Cavalcanti alfineta Cunha e diz que “Câmara piorou após sua saída"

Considerado um dos piores presidentes da Câmara dos Deputados, Severino Cavalcanti, que renunciou em 2005, acusado de receber propina do dono de um restaurante da Casa, afirmou em entrevista ao jornal Folha de S. Paulo, publicada nesta quarta-feira (22), que a instituição piorou muito depois de sua saída. [Leia mais...]

[Imagem not found]
Foto : Reprodução/ Folha de S. Paulo

Por Matheus Morais no dia 22 de Julho de 2015 ⋅ 14:23

Considerado um dos piores presidentes da Câmara dos Deputados, Severino Cavalcanti, que renunciou em 2005, acusado de receber propina do dono de um restaurante da Casa, afirmou em entrevista ao jornal Folha de S. Paulo, publicada nesta quarta-feira (22), que a instituição piorou muito depois de sua saída.

"Está muito ruim. Você só ouve piadas".  "Na minha gestão era porta aberta, todo mundo tinha entrada. Não tinha esse negócio de 'eu sou o dono do mundo', disse.  

Cavalcanti, obviamente, faz referência ao atual presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), acusado de receber US$ 5 milhões em propina por um lobista que faz delação na Operação Lava Jato.

Notícias relacionadas