Política

Advogada de delatores da Lava Jato decide renunciar de clientes e sai do país

A advogada que negociou os principais acordos de delação premiada na Operação Lava Jato decidiu renunciar a todos os clientes. De acordo com o jornal Folha de S. Paulo, a defensora Beatriz Catta Pretta está se desligando de todas as ações relacionadas à causa e deve viajar para o exterior. [Leia mais...]

[Imagem not found]
Foto : Reprodução/Folha S. Paulo

Por Matheus Simoni no dia 22 de Julho de 2015 ⋅ 15:01

A advogada que negociou os principais acordos de delação premiada na Operação Lava Jato decidiu renunciar a todos os clientes. De acordo com o jornal Folha de S. Paulo, a defensora Beatriz Catta Pretta está se desligando de todas as ações relacionadas à causa e deve viajar para o exterior. Segundo criminalistas que trabalham na defesa de réus clientes da advogada, ela decidiu se desligar dos casos que conduzia para viajar para Miami-EUA, onde ela possui um escritório desde o ano passado. Na última segunda-feira (20), Beatriz apresentou à Justiça Federal uma petição informando que estava se desligando da defesa do ex-gerente da Petrobras Pedro Barusco, um dos acusados na operação. Ela tinha sido convocada pela CPI da Petrobras para prestar esclarecimentos sobre como os clientes estão pagando suas defesas nas ações.

Notícias relacionadas

[Moro deve trocar comando da Polícia Federal]
Política

Moro deve trocar comando da Polícia Federal

Por Marina Hortélio no dia 17 de Novembro de 2018 ⋅ 08:30 em Política

De acordo com a Folha, o atual superintendente da PF do Paraná, o delegado Maurício Valeixo, é um dos principais cotados para assumir o posto de diretor-geral da PF ou in...