Política

Lava Jato pede a Moro extinção de punibilidade de Marisa Letícia

Os procuradores que atuam na força tarefa da operação Lava Jato pediram ao juiz federal Sérgio Moro, responsável pelos julgamentos da operação em primeira instância, que seja extinta a punibilidade da ex-primeira-dama Marisa Letícia Lula da Silva, que morreu no início deste mês vítima de um acidente vascular cerebral. Mulher do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, ela era ré ao lado do marido em duas ações penais que tramitam na 13ª Vara Federal de Curitiba, liderada por Moro. [Leia mais...]

[Lava Jato pede a Moro extinção de punibilidade de Marisa Letícia]
Foto : Paulo Pinto/Agência PT

Por Matheus Simoni no dia 22 de Fevereiro de 2017 ⋅ 14:16

Os procuradores que atuam na força tarefa da operação Lava Jato pediram ao juiz federal Sérgio Moro, responsável pelos julgamentos da operação em primeira instância, que seja extinta a punibilidade da ex-primeira-dama Marisa Letícia Lula da Silva, que morreu no início deste mês vítima de um acidente vascular cerebral. Mulher do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, ela era ré ao lado do marido em duas ações penais que tramitam na 13ª Vara Federal de Curitiba, liderada por Moro.

"O Ministério Público Federal requer que seja declarada extinta a punibilidade da acusada", afirma um documento enviado pelo MPF a Moro nos autos da ação penal em que Lula é acusado de ter recebido vantagens ilícitas da empreiteira OAS na forma de um apartamento tríplex no Guarujá, litoral de São Paulo, e no pagamento de despesas referentes ao armazenamento de bens do ex-presidente.

A manifestação dos procuradores aconteceu em resposta à determinação de Moro para que o MPF se pronunciasse sobre pedido da defesa de Lula e de Marisa Letícia que pediram a absolvição sumária da ex-primeira-dama em consequência de sua morte no início de fevereiro. O juiz ainda vai decidir sobre o caso.

Notícias relacionadas