Política

Titular da Secult critica declarações de Kannário: "Irresponsável"

As declarações polêmicas do cantor e vereador Igor Kannário (PHS), que afirmou durante um show no Carnaval de Salvador, que "o crime organizado está dentro da Câmara Municipal", foram alvos de críticas por parte do vereador licenciado e secretário de Cultura e Turismo de Salvador (Secult), Claudio Tinoco (DEM). [Leia mais...]

[Titular da Secult critica declarações de Kannário:
Foto : Tácio Moreira/Metropress

Por Matheus Morais no dia 03 de Março de 2017 ⋅ 07:16

As declarações polêmicas do cantor e vereador Igor Kannário (PHS), que afirmou durante um show no Carnaval de Salvador, que "o crime organizado está dentro da Câmara Municipal", foram alvos de críticas por parte do vereador licenciado e secretário de Cultura e Turismo de Salvador (Secult), Claudio Tinoco (DEM). Em entrevista ao Programa Seis em Ponto, da Rádio Metrópole, ele definiu as palavras de Kannário como "irresponsáveis". 

"Quero dizer que é uma declaração irresponsável. Sou vereador licenciado dessa cidade, conheço quase que todos os vereadores, a gente tem uma amizade, uma proximidade. Não tenho essa proximidade com Igor Kannário, mas independentemente dessa proximidade ou não, quero dizer que é uma declaração irresponsável, mentirosa nos termos que ele utilizou. A Câmara se respeita", ressaltou. 

"Talvez ele não tenha ainda se adaptado ao poder Legislativo com a vida pública e política. Como artista, pode ter a liberdade de expressão que ele queira, mas não ficar mentindo para fazer conta com o público dele, que talvez entenda a classe política de uma forma generalizada, como a gente tem acompanhado alguns fatos no Brasil. Ele irá responder sim, na Câmara Municipal, não é uma resposta em cima do trio que vai convencer", completou. 

Notícias relacionadas