Política

Manifestantes recebem Dirceu com fogos de artifício na sede da PF em Curitiba

O ex-ministro José Dirceu chegou à Superintendência da Polícia Federal (PF), em Curitiba, por volta das 17h30 desta terça-feira (4). Do lado de fora da sede PF, cerca de 50 manifestantes soltaram fogos de artifício e gritaram "ladrão" e "vagabundo" para o petista.[Leia mais...]

[Imagem not found]
Foto : Reprodução/Folha de S. Paulo

Por Matheus Simoni no dia 04 de Agosto de 2015 ⋅ 18:49

O ex-ministro José Dirceu chegou à Superintendência da Polícia Federal (PF), em Curitiba, por volta das 17h30 desta terça-feira (4). Do lado de fora da sede PF, cerca de 50 manifestantes soltaram fogos de artifício e gritaram "ladrão" e "vagabundo" para o petista. Dirceu vai ficar detido junto com outros sete presos da décima sétima fase da Operação Lava Jato. Entre eles, Luiz Eduardo de Oliveira e Silva, seu irmão.

O ex-chefe da Casa Civil cumpria prisão domiciliar em Brasília, devido à condenação na ação do "Mensalão". Ele foi preso na última segunda-feira (3), em sua casa, por ordem do juiz federal Sérgio Moro, responsável pelos processos da Lava Jato na primeira instância. Ele é suspeito de envolvimento no esquema de corrupção que atuava na Petrobras. 

Notícias relacionadas

[STF nega recurso e determina prisão de senador do PDT]
Política

STF nega recurso e determina prisão de senador do PDT

Por Evilásio Júnior no dia 25 de Setembro de 2018 ⋅ 18:11 em Política

Candidato ao governo de Rondônia, Acir Gurgacz foi condenado a 4 anos e 6 meses de prisão no regime semiaberto por crimes contra o sistema financeiro