Política

Dilma atinge 71% de reprovação e é a mais impopular desde Collor, diz pesquisa

Segundo a pesquisa Datafolha, divulgada nesta quinta-feira (5), a presidente Dilma Rousseff (PT) ultrapassou os números do ex-presidente Fernando Collor e atingiu 71% de reprovação. [Leia mais...]

[Imagem not found]
Foto : Divulgação

Por Matheus Morais no dia 06 de Agosto de 2015 ⋅ 07:16

Segundo a pesquisa Datafolha, divulgada nesta quinta-feira (5), a presidente Dilma Rousseff (PT) ultrapassou os números do ex-presidente Fernando Collor e atingiu 71% de reprovação. O levantamento foi feito entre terça e quarta-feira.

Perguntados se o Congresso deveria abrir um procedimento formal de afastamento, 66% dos entrevistados disseram que sim. No levantamento anterior, realizado em abril, eram 63%.
 
Cresceu também a quantidade de pessoas que acham que ela sairá do cargo, independentemente de suas opiniões sobre um eventual processo de impeachment. Em abril, 29% diziam que a presidente seria afastada do Planalto. Agora, 38% disseram achar que Dilma sofrerá um impeachment.
 
Os números registrados pelo Datafolha na pesquisa desta semana são os piores desde que o instituto iniciou a série de pesquisas em âmbito nacional, em 1990, no governo Fernando Collor.
 
O atual senador pelo PTB-AL, investigado na Lava Jato, era até agora o recordista de impopularidade na série do Datafolha, com 9% de aprovação e 68% de reprovação na véspera de seu impeachment, em setembro de 1992.
 
Com o resultado, o estudo aponta que Dilma passa a ser a presidente com a pior taxa de popularidade entre todos os eleitos diretamente desde a redemocratização. O Datafolha entrevistou 3.358 pessoas com 16 anos ou mais em 201 municípios nas cinco regiões do país. A margem de erro da pesquisa é de dois pontos percentuais para mais ou para menos.

Notícias relacionadas

[Moro deve trocar comando da Polícia Federal]
Política

Moro deve trocar comando da Polícia Federal

Por Marina Hortélio no dia 17 de Novembro de 2018 ⋅ 08:30 em Política

De acordo com a Folha, o atual superintendente da PF do Paraná, o delegado Maurício Valeixo, é um dos principais cotados para assumir o posto de diretor-geral da PF ou in...