Política

TSE arquiva pedido de registro do PL; Marcelo Nilo se diz tranquilo

Por não cumprir o número mínimo de assinaturas de apoio necessários para a homologação, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) decidiu arquivar na última quinta-feira (6), o pedido de registro do Partido Liberal (PL). [Leiamais...]

[Imagem not found]
Foto : Tácio Moreira/Metropress

Por Matheus Morais no dia 07 de Agosto de 2015 ⋅ 07:49

Por não cumprir o número mínimo de assinaturas de apoio necessários para a homologação, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) decidiu arquivar na última quinta-feira (6), o pedido de registro do Partido Liberal (PL). De acordo com o jornal A Tarde, o presidente da Assembleia Legislativa da Bahia, Marcelo Nilo, responsável pela criação do partido na Bahia, não vê problemas na decisão do TSE.

Já o ministro Tarcísio Vieira de Carvalho Neto, relator do processo no TSE, afirmou que, das 484 mil  exigidas, o PL apresentou apenas 167.924 assinaturas  sendo 67.924 consolidadas e 99.703 certificadas. Estas últimas aguardavam homologação nos cartórios. "Os requisitos legais para o registro partidário devem estar integralmente preenchidos no momento da formalização do pedido", declarou o ministro.

O pleno do TSE acompanhou a decisão do relator. Marcelo Nilo promete levar 22 mil assinaturas homologadas na próxima segunda-feira a Brasília. Embora tenha prometido, inicialmente, entregar 40 mil, Nilo diz que conseguirá apenas estas porque foi prejudicado pela greve dos servidores dos cartórios eleitorais. A Secretaria Estadual de Relações Institucionais havia se comprometido a ajudar na coleta de assinaturas, mas ficou só na promessa.

Notícias relacionadas

[Economista é indicado para assumir Enem]
Política

Economista é indicado para assumir Enem

Por Alexandre Galvão no dia 21 de Janeiro de 2019 ⋅ 15:55 em Política

Teixeira é professor da PUC-Rio nos cursos de graduação e pós-graduação em Administração

[Juiz manda PT baiano devolver mais de R$ 40 mil ]
Política

Juiz manda PT baiano devolver mais de R$ 40 mil 

Por Alexandre Galvão no dia 21 de Janeiro de 2019 ⋅ 09:56 em Política

Nas ações, são citados o presidente do partido na Bahia, Everaldo Anunciação e Ivan Alex Teixeira Lima, secretário de Finanças