Política

Leo Prates elogia determinação de vereadores em ficar no PT: \'É mérito, não demérito\'

Com a queda do governo Dilma Rousseff e o desgaste do PT no âmbito nacional, muitos políticos se esforçam para sair do partido. Na contramão, os vereadores Suíca e Moisés Rocha tentam reverter a expulsão do partido, causada após a votação em Leo Prates (DEM) na eleição para a presidência da Câmara. Segundo Prates, deve-se valorizar a determinação dos dois em continuar na sigla.

[Leo Prates elogia determinação de vereadores em ficar no PT: \'É mérito, não demérito\']
Foto : CMS/Divulgação

Por Felipe Paranhos no dia 28 de Abril de 2017 ⋅ 18:13

Com a queda do governo Dilma Rousseff e o desgaste do PT no âmbito nacional, muitos políticos se esforçam para sair da legenda. Na contramão, os vereadores Suíca e Moisés Rocha tentam reverter a expulsão do partido, após votarem em Leo Prates (DEM) na eleição para a presidência da Câmara. Mas, segundo Prates, deve-se valorizar a determinação dos dois em continuar na sigla.

'Querer estar num lugar que está em baixa é mérito, e não demérito', afirmou o presidente da Casa em entrevista à Metrópole, nesta sexta (28). Prates, porém, declarou que o PT precisa de novos nomes para reconquistar a relevância. 'Diziam que a gente ia acabar, que o DEM ia acabar. E nós hoje demos a resposta. Tem que saber se renovar. O DEM tem a bancada mais jovem da Câmara, porque soube se renovar', falou.

Notícias relacionadas