Política

Dilma pede que população repudie o "vale-tudo" contra sua gestão

Na entrega de unidades do Minha Casa, Minha Vida, em São Luís (MA), a presidente Dilma Rousseff discursou ressaltando o momento de dificuldades em que o país passa. Ela solicitou à população que repudie o “vale-tudo” contra sua gestão, argumentando que a crise atual é uma travessia, portanto passageira. “Vou fazer um apelo. Vamos repudiar sistematicamente o vale-tudo para atingir qualquer governo, seja o governo federal, seja o governo dos estados ou dos municípios", disse. [Leia mais...]

[Imagem not found]
Foto : Divulgação/ Planalto.Gov

Por Bárbara Gomes no dia 10 de Agosto de 2015 ⋅ 14:29

Na entrega de unidades do Minha Casa, Minha Vida, em São Luís (MA), a presidente Dilma Rousseff discursou ressaltando o momento de dificuldades em que o país passa. Ela solicitou à população que repudie o “vale-tudo” contra sua gestão, argumentando que a crise atual é uma travessia, portanto passageira. “Vou fazer um apelo. Vamos repudiar sistematicamente o vale-tudo para atingir qualquer governo, seja o governo federal, seja o governo dos estados ou dos municípios", disse.

A presidente pontuou que o Brasil precisa de pessoas que saibam separar os interesses pessoais e políticos, para defender as necessidades do país. "No vale-tudo, quem acaba sendo atingido pela torcida que eu já disse do 'quanto pior, melhor’, é a população do país, dos estados e dos municípios", afirmou referindo-se àqueles que são a favor da sua saída do governo.

Essa não é a primeira vez que Dilma toca na questão do impeachment em seu discurso. Na sexta-feira (7), também em entrega do MInha Casa, Minha Vida em Boa Vista (RR), ela disse ser "Uma pessoa que aguenta pressão", referindo-se aos movimentos contra a sua presidência.

Notícias relacionadas