Política

Após denunciar Cunha, procurador-geral indicia Collor ao STF por corrupção

Após denunciar o presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), ao Supremo Tribunal Federal (STF), o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, apresentou nesta quarta-feira (19) à Suprema Corte denúncia contra o senador Fernando Collor (PTB-AL) por suposto envolvimento no esquema de corrupção na Petrobras investigado pela Operação Lava Jato. [Leia mais...]

[Imagem not found]
Foto : Reprodução/Agência Câmara

Por Matheus Simoni no dia 20 de Agosto de 2015 ⋅ 17:31

Após denunciar o presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), ao Supremo Tribunal Federal (STF), o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, apresentou nesta quarta-feira (19) à Suprema Corte denúncia contra o senador Fernando Collor (PTB-AL) por suposto envolvimento no esquema de corrupção na Petrobras investigado pela Operação Lava Jato. As investigações indicam que o ex-presidente da República recebeu R$ 26 milhões em propina, entre os anos de 2010 e 2014, através de um esquema de lavagem de dinheiro. O oferecimento de denúncia consiste numa acusação formal feita pelo Ministério Público Federal contra os políticos, por entender que já há indícios de provas suficientes para que eles respondam uma ação penal. 

Notícias relacionadas