Política

Baiano afirma que Cunha era agressivo na cobrança de propina

Conforme a denúncia do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, feita na última quinta-feira (21), o presidente da Câmara, Eduardo Cunha, foi bastante agressivo nas cobranças de propina. Essa informação foi coletada após depoimento do lobista Fábio Baiano. Janot destacou ainda que Cunha criou dificuldades com os contratos firmados da Petrobras e nas negociações de novas parcerias. [Leia mais...]

[Imagem not found]
Foto : Reprodução/ Uol

Por Bárbara Gomes no dia 21 de Agosto de 2015 ⋅ 13:55

Conforme a denúncia do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, feita na última quinta-feira (21), o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB), foi bastante agressivo nas cobranças de propina, afirmou lobista Fábio Baiano durante depoimento à polícia.

Janot destacou ainda que Cunha criou dificuldades com os contratos firmados da Petrobras e nas negociações de novas parcerias. O deputado foi denunciado na quinta-feira ao Supremo Tribunal Federal por corrupção passiva e lavagem de dinheiro. Depois da acusação, um grupo de deputados elaborou um requerimento, solicitando o afastamento do presidente da Câmara.

Notícias relacionadas

[Justiça manda soltar Joesley Batista ]
Política

Justiça manda soltar Joesley Batista 

Por Alexandre Galvão no dia 12 de Novembro de 2018 ⋅ 14:44 em Política

Advogado do dono da JBS, Perpaolo Bottini afirmou que a soltura demonstra "a ilegalidade e gravidade da prisão"