Política

STF agenda julgamento de suspeição de Janot para próxima quarta

O julgamento do pedido de suspeição protocolado pela defesa do presidente Michel Temer contra o procurador da República, Rodrigo Janot, foi agendado pelo Supremo Tribunal Federal (STF), nesta sexta-feira (8), para acontecer na próxima quarta(13). [Leia mais...]

[STF agenda julgamento de suspeição de Janot para próxima quarta]
Foto : Fellipe Sampaio/ SCO/ STF/Fotos Públicas

Por Paloma Morais no dia 08 de Setembro de 2017 ⋅ 19:48

O julgamento do pedido de suspeição protocolado pela defesa do presidente Michel Temer contra o procurador da República, Rodrigo Janot, foi agendado pelo Supremo Tribunal Federal (STF), nesta sexta-feira (8), para acontecer na próxima quarta(13). O pedido será analisado a menos de uma semana da saída de Janot do cargo, no dia 17. De acordo com a defesa de Temer, o presidente é vítima de perseguição pessoal por parte do procurador-geral e por isso pede que Janot não atue em processos em que Temer é investigado.

No final de agosto, o ministro Edson Fachin, relator da Lava Jato no STF, negou o pedido de suspeição feito por Temer, porém, ele recorreu e, por isso, a questão será decidida pelo plenário da Corte, composta por 11 ministros. Fachin justificou a negativa do pedido, afirmando que não houve indicação de parcialidade por parte de Janot. "As alegações exteriorizadas pela defesa não permitem a conclusão da existência de relação de inimizade capital entre o presidente da República e o procurador-geral da República, tampouco que o chefe do Ministério Público da União tenha aconselhado qualquer das partes", escreveu Fachin justificando sua decisão.

Leia também:

Defesa de Temer protocola no STF novo pedido de suspeição de Janot

 

 

 

Notícias relacionadas