Política

Rui defende \"extensa reforma política\": \"Se fabrica partido como se faz pão\"

O governador Rui Costa (PT) defendeu que o país passe por uma \"extensa reforma política\" e que o número de partidos políticos seja revisto. Em entrevista a jornalistas dos principais veículos de comunicações da cidade nesta terça-feira (12), na Governadoria, o petista declarou que o atual modelo é prejudicial para a democracia no país e já foi criticado por autoridades estrangeiras.[Leia mais...]

[Rui defende \
Foto : Alberto Coutinho/GOVBA

Por Matheus Simoni e Matheus Morais no dia 12 de Setembro de 2017 ⋅ 17:58

O governador Rui Costa (PT) defendeu que o país passe por uma \"extensa reforma política\" e que o número de partidos políticos seja revisto. Em entrevista a jornalistas dos principais veículos de comunicações da cidade nesta terça-feira (12), na Governadoria, o petista declarou que o atual modelo é prejudicial para a democracia no país e já foi criticado por autoridades estrangeiras.

\"Eu recebi líderes de parlamento na Alemanha, presidente de parlamento do Canadá, vice-presidentes de alguns países, ministros e embaixadores aqui para conversar. Todos são unânimes em dizer que não acreditam como a gente consegue conviver e funcionar com 40 partidos políticos. Isso não existe em nenhuma democracia consolidada do mundo. Nós fabricamos um modelo absurdo, ineficiente e corrupto. Nós precisamos corrigir isso rapidamente\", afirmou.

Ainda de acordo com Rui, o atual número de partidos políticos precisa ser diminuído a tempo das eleições de 2018 para que o país volte a ter credibilidade. Para o governador, é necessário identificar \"ideologias e propostas únicas\" de cada legenda. \"A sociedade precisa identificar meia dúzia de partidos que identificassem ideologias e propostas únicas. Hoje fabricamos partidos como se fabrica pão na padaria. Não conheço nação democrática consolidada com 40 partidos\", declarou o gestor estadual.

Notícias relacionadas

[ Pacote de Moro propõe ampliar confisco de bens]
Política

Pacote de Moro propõe ampliar confisco de bens

Por Clara Rellstab no dia 23 de Janeiro de 2019 ⋅ 11:40 em Política

Promessa de campanha do presidente Jair Bolsonaro (PSL), as mudanças na legislação visam a fortalecer o combate à corrupção e ao crime organizado