Política

Temer recebeu propina por hidrelétrica de Santo Antônio, diz Funaro em delação

Em seu depoimento à Procuradoria-Geral da República (PGR), o corretor Lúcio Bolonha Funaro afirmou que o presidente Michel Temer foi um dos destinatários de propina paga pela Odebrecht e Andrade Gutierrez em uma obra da estatal Furnas no Rio Madeira, em Porto Velho, Rondônia. [Leia mais...]

[Temer recebeu propina por hidrelétrica de Santo Antônio, diz Funaro em delação]
Foto : Beto Barata/PR

Por Laura Lorenzo no dia 21 de Setembro de 2017 ⋅ 17:59

Em seu depoimento à Procuradoria-Geral da República (PGR), o corretor Lúcio Bolonha Funaro afirmou que o presidente Michel Temer foi um dos destinatários de propina paga pela Odebrecht e Andrade Gutierrez em uma obra da estatal Furnas no Rio Madeira, em Porto Velho, Rondônia. As empreiteiras são sócias de Furnas na Santo Antônio Energia, responsável pela implantação e operação da Hidrelétrica Santo Antônio.

Também teriam recebido propinas, além de Temer, os ex-deputados Eduardo Cunha e Henrique Eduardo Alves, que atualmente estão presos por conta de desdobramentos da operação Lava Jato. Funaro não especificou os valores das propinas.

Funaro afirmou que Cunha contou a ele que a propina foi acertada pelos executivos Benedicto Júnior, da Odebrecht, e Otávio Azevedo, da Andrade. "Os valores foram recebidos por Eduardo Cunha e, posteriormente, foi repartido entre com Henrique Eduardo Alves, Arlindo Chinaglia e para Michel Temer", disse o doleiro.

Ele contou ainda que "provavelmente os pagamentos foram feitos parte em espécie e parte em doação de campanha, como era feito de costume na maioria dos casos."

Notícias relacionadas