Política

Ministro do STF diz que ação contra Aécio causou \"crise institucional\" entre Poderes

O ministro do Supremo Tribunal Federal Marco (STF) Aurélio Mello afirmou nesta quinta-feira (28) há uma crise institucional entre a Suprema Corte e o Senado Federal. Tudo isso por conta do afastamento e recolhimento noturno do senador Aécio Neves (PSDB-MG). Marco Aurélio negou que o tribunal esteja atuando politicamente. [Leia mais...]

[Ministro do STF diz que ação contra Aécio causou \
Foto : Nelson Jr/SCO/STF

Por Matheus Simoni no dia 28 de Setembro de 2017 ⋅ 15:45

O ministro do Supremo Tribunal Federal Marco (STF) Aurélio Mello afirmou nesta quinta-feira (28) há uma crise institucional entre a Suprema Corte e o Senado Federal. Tudo isso por conta do afastamento e recolhimento noturno do senador Aécio Neves (PSDB-MG). Marco Aurélio negou que o tribunal esteja atuando politicamente. \"Não posso concordar [com críticas de atuação política], porque eu julgo os colegas por mim. Eu não atuo politicamente. A minha política é única: de observância à Constituição Federal\", disse o ministro. \"Estamos diante de uma crise institucional, mas será suplantada porque a nossa democracia veio pra ficar. É grave, é grave\", completou, em conversa com jornalistas antes da sessão desta quinta no STF.

Por 3 votos a 2, a primeira turma da Suprema Corte estabeleceu as sanções a Aécio Neves diante do risco de atrapalhar as investigações que constam na delação da JBS.

Notícias relacionadas