Política

Oposição cogita impedir entrada de deputados na Câmara para evitar votação de denúncia

Uma das estratégias da oposição ao presidente Michel Temer é o forçar o adiamento da votação da segunda denúncia da Procuradoria-Geral da República contra o peemedebista. [Leia mais...]

[Oposição cogita impedir entrada de deputados na Câmara para evitar votação de denúncia ]
Foto : Agência Câmara

Por Matheus Morais no dia 24 de Outubro de 2017 ⋅ 10:36

Uma das estratégias da oposição ao presidente Michel Temer é o forçar o adiamento da votação da segunda denúncia da Procuradoria-Geral da República contra o peemedebista. Segundo a coluna Painel, do jornal Folha de S.Paulo, o plano inicial é protelar a apreciação para semana que vem e no dia da votação, adiar para a sessão seguinte - e assim sucessivamente.

Ainda de acordo com a publicação, o deputado Sílvio Costa (Avante-PE) sugeriu que os parlamentares façam piquetes nas três entradas principais do plenário. Costa pretende imprimir listas com os nomes dos 227 deputados que votaram contra Temer na primeira denúncia e convencê-los a nem sequer marcas presença. É preciso que, ao menos, 342 deputados estejam presentes na Câmara para iniciar a votação. 

Notícias relacionadas