Política

"Está claro o cerco do Governo Federal contra Rui", diz Otto sobre recursos barrados

Durante entrevista a José Eduardo, na Rádio Metrópole, na manhã desta quinta-feira (26), o senador Otto Alencar (PSD) voltou a falar sobre um boicote que o Governo Federal estaria promovendo contra a gestão de Rui Costa (PT). Depois de afirmar que Temer deixou de repassar R$ 300 milhões para a obra do metrô e ser contestado por aliados do peemedebista, como o deputado federal Elmar Nascimento (DEM), o senador disse que "o cerco está claro". [Leia mais...]

[
Foto : Tácio Moreira/Metropress

Por Gabriel Nascimento e Matheus Morais no dia 26 de Outubro de 2017 ⋅ 09:37

Durante entrevista a José Eduardo, na Rádio Metrópole, na manhã desta quinta-feira (26), o senador Otto Alencar (PSD) voltou a falar sobre um boicote que o Governo Federal estaria promovendo contra a gestão de Rui Costa (PT). Depois de afirmar que Temer deixou de repassar R$ 300 milhões para a obra do metrô e ser contestado por aliados do peemedebista, como o deputado federal Elmar Nascimento (DEM), o senador disse que "o cerco está claro". "Eu dei uma checada e não está havendo o repasse do Ministério das Cidades para a obra do metrô. Até porque, o empréstimo do Banco do Brasil até hoje não foi liberado", declarou.

"As emendas impositivas de alguns deputados federais não foram liberadas. O deputado Fernado Torres mesmo se queixava disso. Está claro o cerco do Governo Federal ao governador Rui Costa (PT) pelo nosso posicionamento no Senado e na Câmara Federal", acrescentou.

Questionado sobre a influência do prefeito ACM Neto (DEM), o senador declarou: "Estou falando de partidos, mas ele sendo líder do partido, ele deve estar trabalhando nessa direção. Não quero fulanizar isso. O povo vai escolher livremente dentro de um processo político que acho que deve ser respeitoso".

Notícias relacionadas