Política

Parlamentares de esquerda repudiam ‘ranking’ que os elege como os piores

O grupo acusa ainda o site de não avaliar o desempenho dos deputados “de forma isenta”. “O site pontua positivamente as votações a favor do impeachment da presidenta Dilma, contra as investigação de Temer e a favor da reforma trabalhista, da terceirização e outras projetos que atacam os direitos trabalhistas e sociais”. [Leia mais...]

[Parlamentares de esquerda repudiam ‘ranking’ que os elege como os piores ]
Foto : Divulgação

Por Alexandre Galvão no dia 16 de Abril de 2018 ⋅ 10:30

Depois de serem apontados como os piores parlamentares do Brasil, os deputados federais Afonso Florence, Nelson Pelegrino, Luiz Caetano, Waldenor Pereira (PT), Daniel Almeida (PCdoB) e a senadora Lídice da Mata (PSB) divulgaram nota em que rechaçam o levantamento.

Segundo o comunicado, o julgamento feito pelo site politicos.org é “tendencioso e não representa o povo brasileiro, uma vez que mede o desempenho de deputados e senadores a partir de princípios afinados com as políticas neoliberais. Por esse motivo, esse ‘ranking’ tem o nosso repúdio, até porque premia o trabalho daqueles que apoiaram o golpe e continuam atacando os direitos da classe trabalhadora”.

O grupo acusa ainda o site de não avaliar o desempenho dos congressistas “de forma isenta”. “O site pontua positivamente as votações a favor do impeachment da presidenta Dilma, contra as investigação de Temer e a favor da reforma trabalhista, da terceirização e outras projetos que atacam os direitos trabalhistas e sociais”.

“O povo baiano tem apoiado nosso trabalho, este é o melhor termômetro e vamos seguir representando aqueles que mais precisam e não empresários como o dono deste site e que apoiam o governo ilegítimo de Temer”, finaliza.

Notícias relacionadas