Política

Zé Dirceu ataca Sergio Moro: ʹUm cisco, não é nadaʹ

O TRF-4 aumentou a pena de Dirceu de 20 anos e 10 meses para 30 anos e 9 meses pelos crimes de corrupção passiva, pertinência a organização criminosa e lavagem de dinheiro. [Leia mais...]

[Zé Dirceu ataca Sergio Moro: ʹUm cisco, não é nadaʹ ]
Foto : Marcello Casal/ Agência Brasil

Por Alexandre Galvão no dia 17 de Abril de 2018 ⋅ 08:40

Prestes a voltar à cadeia, o ex-ministro da Casa Civil, José Dirceu, atacou o juiz federal Sérgio Moro. Ele disse, ontem (16), que o magistrado é um “cisco” e funciona como um “instrumento” de perseguição política contra o PT.

Diante da possibilidade de ser encarcerado mais uma vez, o petista, condenado a 30 anos e 9 meses de prisão, pediu que os membros partido não se preocupem com ele, mas com a liberdade do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, sentenciado e preso na Lava Jato.

“Todo lugar é uma trincheira. Onde eu estiver, vou estar numa trincheira, mas sou como um de vocês: eu estou preocupado com Lula, não comigo. Vocês podem ver que eu me cuidei. Eu sou um soldado, temos que libertar o Lula. Temos que enfrentá-los e não baixar a cabeça. Eles têm que ter certeza de que vamos ressurgir das cinzas. Temos que ser implacáveis com eles. Eles não deixaram a gente governar, por que vamos deixar eles governar?”, declarou o ex-ministro.

O TRF-4 aumentou a pena de Dirceu de 20 anos e 10 meses para 30 anos e 9 meses pelos crimes de corrupção passiva, pertinência a organização criminosa e lavagem de dinheiro.

Comentarios

Notícias relacionadas