Política

Delator detalha suposto acerto de propina dentro do Senado a Eunício

Segundo o G1, o pagamento já havia sido relatado no ano passado, nos primeiros depoimentos da colaboração. Na ocasião, Eunício divulgou nota na qual afirmou que os relatos de Ricardo Saud são "imaginários" e "mentirosos"

[Delator detalha suposto acerto de propina dentro do Senado a Eunício]
Foto : Valter Campanato/Agência Brasil

Por Metro1 no dia 19 de Maio de 2018 ⋅ 21:10

O delator Ricardo Saud relatou novos detalhes sobre o suposto pagamento de propina de R$ 5 milhões pago pela Vigor, empresa do grupo J&F, e outras empresas do setor de laticínios ao presidente do Senado, senador Eunício Oliveira (MDB), a partir de doações ao partido, em 2014.

Segundo o G1, o pagamento já havia sido relatado no ano passado, nos primeiros depoimentos da colaboração. Na ocasião, Eunício divulgou nota na qual afirmou que os relatos de Ricardo Saud são "imaginários" e "mentirosos" - ontem (18), no entanto, o senador, que preferiu não se manifestar.

Na delação premiada, entregue à Procuradoria-Geral da República, Saud incluiu novos detalhes sobre esse episódio, acrescentando como foram feitos os pagamentos, os valores, as empresas e detalhes sobre o acerto da propina.

Notícias relacionadas