Política

Haddad vai explorar contradições de Bolsonaro sobre assistência social e salário mínimo, diz coluna

Propaganda televisiva do petista, que vai ao ar hoje (13), mostrará posições do candidato do PSL "contrárias ao trabalhador"

[Haddad vai explorar contradições de Bolsonaro sobre assistência social e salário mínimo, diz coluna]
Foto : Marcelo Camargo / Agência Brasil

Por Leonardo Sousa no dia 13 de Outubro de 2018 ⋅ 15:00

A campanha de Fernando Haddad (PT) vai destacar contradições de Jair Bolsonaro (PSL) sobre questões como assistência social e salário mínimo. De acordo com a coluna Painel, do jornal Folha de SP, a propaganda televisiva do petista que vai ao ar no horário eleitoral de hoje (13), terá posições históricas do deputado desfavoráveis ao trabalhador como ponto central.

O objetivo é transmitir a ideia de que Bolsonaro mente ao eleitor. À coluna, um aliado de Haddad conta que a propaganda vai questionar como o candidato do PSL, hoje, defende o Bolsa Família se, historicamente, foi um crítico severo do programa.

Votações em que o deputado teria se posicionado do "lado contrário o do trabalhador" serão exploradas, como a sua posição sobre a política de reajuste do salário mínimo.

Notícias relacionadas