Política

Em ato falho, Marcelo Nilo diz que PT vai tomar 'porrada eleitoral' na eleição presidencial 

Deputado federal eleito criticou Bolsonaro: "Não tem a menor condição política de gerir este país"

[Em ato falho, Marcelo Nilo diz que PT vai tomar 'porrada eleitoral' na eleição presidencial ]
Foto : Tácio Moreira/Metropress

Por Rodrigo Daniel Silva no dia 16 de Outubro de 2018 ⋅ 08:33

Ao falar sobre o comportamento do senador eleito Jaques Wagner (PT), o deputado federal eleito Marcelo Nilo (PSB) disse, em entrevista à Rádio Metrópole, que Fernando Haddad (PT) vai tomar um "porrada eleitoral" do adversário Jair Bolsonaro (PSL) no dia da eleição.

"Às vezes, ele [Wagner] está preocupado com a [eleição a] nível nacional, com a porrada que nós vamos tomar no dia 28. Uma porrada eleitoral", disse, aos risos. 

Antes, Nilo tinha dito que apoia Fernando Haddad e criticou Bolsonaro. "Quem tiver votando em Bolsonaro sabe o que ele pretende fazer. Só não quero que daqui a seis meses, a pessoa diga: 'eu não sabia, eu me arrependi'. Todo mundo sabe quem é Bolsonaro. Vai ter que dizer: 'eu errei'. Não tem a menor condição política de gerir este país".

O parlamentar federal eleito atribuiu o crescimento do capitão da reserva à onda antipetista. "A maioria [dos votos de Bolsonaro] é fruto de rejeição ao PT. Você me perguntar por que Rui deu certo? Porque se afastou do PT no momento certo e se aproximou no PT correto. Ele foi muito competente", pontuou.

Notícias relacionadas